27
MAI

A Comissão de Finanças e Fiscalização aprova, por unanimidade, na reunião realizada na manhã desta quarta-feira (27) requerimento do seu presidente, deputado Ricardo Motta (PROS) ao secretário de Planejamento e Finanças, Gustavo Nogueira, solicitando cópia do contrato entre o Governo do Estado e Banco do Brasil, renovando a venda da conta do Estado.

“Esta Comissão, cumprindo o seu papel, precisa de explicações sobre essa antecipação da venda da conta, cujo contrato só terminaria em 2018. Com o deságio, o Rio Grande do Norte vai ter uma perda de quase 50%, ou seja R$ 148 milhões. Precisamos tomar conhecimento dos termos deste contrato”, disse Ricardo Motta.



27
MAI
Comunidade era esquecida pelas gestões passadas

A roda administrativa de São Francisco do Oeste-RN não para de girar. Dando continuidade ao canteiro de obras que se instalou no município nos últimos anos, agora chegou a vez do bairro Ceará, tão esquecido em gestões passadas, vibrar com a chegada  de uma praça. A obra, que teve início hoje, 27 de maio, além de embelezar a comunidade, vai acabar com esgotos existentes lá e valorizar os imóveis no entorno.

O ambiente será amplo, multifuncional e servirá de espaço para encontros de pessoas de todas as idades e prática de atividades físicas.

A obra, que está orçada em R$ 250 mil (R$ 243.750,00 do OGU e R$ 6.250,00 de contrapartida da Prefeitura) é fruto do esforço hercúleo da Prefeita, Gidene Barreto, nas suas constantes viagens à Capital da República em busca de benefícios de interesse da coletividade.

“Executar obras e realizar ações que contribuem para mudar a estética da cidade e melhorar a qualidade de vida da população, tem sido nosso foco principal enquanto gestora deste município”, disse a prefeita, Gildene Barreto, que se encontra em Brasília participando da ‘XVIII Marcha dos Prefeitos’, numa luta incessante por mais recursos para São Francisco do Oeste e as demais cidades do País.





27
MAI

Notícias chegas ao blog dão conta de que a Unidade Básica de Saúde ‘Aliatá Chaves de Queiroz’, localizada no bairro João XXIII, já tem nova diretora, mesmo ser ainda ter sido nomeada para o cargo.

Trata-se de Marina Vidal, filha do casal pau-ferrense Roberto de Souza/Laelma Vidal, que estão de volta à ‘Terra dos Vaqueiros Bravios’ depois de muito tempo morando fora do torrão natal.

A jovem enfermeira assumirá no lugar de Lucineide Vaz, que, assim como Francilene Freire, também lutou com unhas e dentes para eleger Fabrício em 2012. Ano passado, na campanha para o governo, ela seguiu a orientação dele para votar nos seus candidatos e, agora, como pagamento, levou um chute na região glútea.

Segundo informações, a indicação foi da prima, vereadora Tércia Batalha, que, até dia desses, era ‘inimiga política de sangue a fogo’ do prefeito e da sua mãe, Maria Rêgo.

É o fim do mundo . . .

BeM que minha bisavó dizia que, “no final dos tempos, a roda grande entraria na pequena”!



27
MAI

O Diário Oficial do Município de Pau dos Ferros, edição de ontem, 26 de maio, trouxe a nomeação de Gliciane Patrícia de Souza, esposa do radialista Normando Mendonça, para exercer o cargo de provimento, em comissão, de Auditora-Geral do município, lotada na Controladoria Geral, parte integrante da Secretaria de Governo.

Até aí, nada demais, até porque a caneta está nas mãos do prefeito, Fabrício Torquato, e enquanto tiver tinta ele nomeia e exonera quem quiser.

Tanto é verdade que a nomeada, que foi adversária ferrenha dele em 2012, assume a vaga deixada por Francilene Freire, então ‘amiga e guerreira de primeira hora’ na luta para eleger o atual gestor naquele pleito e, depois, sem nenhum motivo, foi descartada por ele.

O esquisito nessa história é que o chefe do executivo pau-ferrense, em vez de publicar uma portaria, usou uma Lei (078/15), como o ato administrativo para nomeação.

Pois diga!




27
MAI

Numa entrevista que concedeu a Márcio Costa, Editor do Jornal ‘O Mossoroense’, e que foi publicada na edição desta quarta-feira, 27, o empresário pau-ferrense, Xavier Pneus, apresentou suas impressões sobre o cenário político local. Ele criticou a administração do prefeito Fabrício Torquato e atribuiu o distanciamento com o ex-prefeito, Nilton Figueiredo, como os fatores que levaram a adoção de uma nova posição política.

Na semana passada, Xavier anunciou apoio ao grupo liderado pelo deputado Getúlio Rêgo e pelo ex-prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo.

Leia a entrevista na íntegra.

O Mossoroense - Estamos acompanhando um cenário de reordenação política em Pau dos Ferros. Como você tem visto este processo?

Xavier Rêgo - Bom. Nós tomamos um posicionamento político, eu e meu filho, como eleitores. Não foi necessário reunião com ninguém, nem com Leonardo, nem com Getúlio (Rêgo) que é um deputado da cidade. Tomamos em função da atual administração. Nós vibramos muito com Pau dos Ferros, sonhamos com uma Pau dos Ferros melhor e achamos que a atual administração deixa a desejar. Como o cenário local se desenha para um confronto da atual administração com Leonardo Rego, nós decidimos apoiar o projeto de Leonardo Rego voltar a Pau dos Ferros.

OM - Na última semana circulou uma foto nas redes sociais onde o senhor posava ao lado do deputado Getúlio Rêgo e lideranças ligadas ao grupo dele. Em que ocasião se deu este encontro?

XR - Recebi a visita do deputado Getúlio em minha loja, foi um prazer recebê-lo. Falamos pouco de política, até por que foi um momento muito rápido, quase limitado apenas para tirar a foto. No dia anterior meu filho tinha feito uma declaração e posado com o símbolo de Leonardo Rego, acho que isso fez com que o deputado nos procurasse. Nosso compromisso foi de afirmação. de que estaríamos com Leonardo na próxima campanha como eleitores. Não falamos de partido. Todas as posições tomadas até o momento são posições de eleitor.

OM - O senhor afirma que a posição é de eleitor, mas vocês são políticos. Se houver a possibilidade de articulação vocês apresentarão nomes para compor com Leonardo Rego ou algum nome indicado por ele?

XR - No momento meu filho e eu não desejamos ser candidatos, nem participar de chapa nenhuma. Nós hoje desejamos ser apenas eleitores. Se vier ocorrer que o nosso partido o PMDB, nós não saímos do PMDB, venha exigir que façamos uma composição de apoio a nível de partido poderemos repensar nosso projeto político. Diante disso nós temos que falar ainda com Henrique, por que ainda não informamos nossa posição que deve ocorrer em junho ou no máximo julho, comunicar a nossa decisão. Vamos ouvir do ministro Henrique qual a situação para Pau dos Ferros, muito embora nós tenhamos conhecimento que a situação de Pau dos Ferros em nível de PMDB será conduzida pelo deputado Gustavo Fernandes, então esperamos até uma posição do próprio deputado Gustavo.



26
MAI

O Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou nesta terça-feira o principal ponto da reforma política (PEC 182/07) proposto pelo deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ): o chamado “distritão”, modelo em que os deputados e vereadores seriam eleitos apenas de acordo com a quantidade de votos recebidos, no sistema majoritário. A proposta foi rejeitada por 267 votos a 210 e 5 abstenções.

A Câmara manteve o modelo atual, com sistema proporcional, que leva em conta os votos recebidos individualmente pelos candidatos de um partido e os recebidos pela legenda. Esses votos são usados para um cálculo de quantas vagas cada partido consegue preencher. Outras mudanças nesse sistema – como a cláusula de barreira e mudanças nas coligações – poderão ser discutidas nesta quarta-feira, quando o Plenário vai retomar a discussão da reforma.

Os deputados também rejeitaram, por 402 votos a 21 e duas abstenções, o sistema de votação em listas fechadas, que previa a distribuição das vagas de acordo com listas preordenadas. O sistema distrital misto – em que metade das vagas seria preenchida por lista e a outra metade pelo voto majoritário em distritos – também foi rejeitado pelo Plenário por 369 votos a 99 e 2 abstenções.

Antes de encerrar a votação, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, ressaltou que manteve "rigorosamente" a promessa de votar a reforma política em Plenário, permitindo que os deputados votem todos os modelos propostos. Segundo ele, os deputados terão de arcar com o resultado das votações. "Não aprovar nenhum modelo significa votar o modelo de hoje, uma decisão que a Casa tem de assumir a responsabilidade", disse.

Agência Câmara



26
MAI

O deputado federal Rafael Motta, vice-líder do PROS na Câmara dos Deputados, esteve na noite desta terça-feira (26), acompanhado de prefeitos do Rio Grande do Norte, dentre eles, o de Coronel João Pessoa, Francisco Alves (‘Pachica’), numa reunião com o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Idilvan Alencar.

Durante a reunião, os gestores potiguares apresentaram ao presidente do FNDE os pleitos em relação à liberação de recursos para a construção de creches e escolas nos municípios do RN.

O deputado Rafael Motta ressaltou a importância do encontro no FNDE.  “Conseguimos reunir os prefeitos do Estado para que cada um apresentasse as suas demandas ao presidente do FNDE. A nossa missão aqui em Brasília é buscar recursos para que a população possa ter benefícios no setor educacional”, afirmou o parlamentar.

O presidente do FNDE afirmou aos prefeitos que irá liberar os recursos para as cidades do RN e que, inclusive, já existem valores empenhados para o pagamento das obras de creches e escolas. Além disso, Idilvan Alencar anunciou para agosto deste ano o início do cadastro para a edificação de novas unidades escolares.



26
MAI

A Escola ‘Catarina de Siena’, em Pau dos Ferros, comunica que está ofertando CORTES de CABELOS gratuitos para ambos os sexos, de segunda a quinta-feira, a partir das 19h, naquela instituição de ensino profissionalizante.

Informações adicionais podem ser obtidas na rua São João, 553, bairro São Benedito, ou pelo fone (84) 3351-2108.



26
MAI

Os servidores do ITEP decidiram realizar uma mobilização em frente ao prédio da Governadoria, no Centro Administrativo, nesta quarta-feira (27), a partir das 9h. A categoria irá esperar o resultado de uma reunião entre o SINPOL-RN e o Governo do Estado sobre o envio do Estatuto do ITEP. Depois disso, irão deliberar sobre o indicativo de paralisação de advertência para os dias 2 e 3.

Ontem à noite, os servidores do ITEP lotaram o auditório do SINPOL-RN, reunidos em assembleia, e deliberaram que não vão mais aguardar uma nova análise do Estatuto do ITEP, como quer o Governo do RN. 

“O que os servidores do ITEP querem é que o governador Robinson Faria cumpra com sua palavra. Quando ainda era candidato, ele pessoalmente procurou essa categoria e disse que se fosse governador por um dia enviaria o Estatuto que já estava pronto desde o final de 2013. Logo após ser eleito, ele mais uma vez afirmou isso. Agora, depois de cinco meses no Governo, a conversar não é mais a mesma. Além de não ter enviado o Estatuto que já estava pronto, a Secretaria de Segurança e direção do ITEP construíram uma nova minuta para o projeto”, explica Paulo César de Macedo, presidente do SINPOL-RN.

Com esse novo projeto para o Estatuto proposto pelo Governo Robinson, mais de 500 servidores que estão atualmente trabalhando de maneira regular no ITEP seriam excluídos dos quadros do órgão.



26
MAI

Depois de ‘comer mosca’ com relação ao prazo estipulado pela Justiça para fazer os reparos no abatedouro público, que resultou no seu fechamento desde março, e em virtude das reiteradas cobranças feitas por este blog, redes sociais e a Câmara de Vereadores, parece que a Prefeitura de Pau dos Ferros, enfim, resolveu sair da “inércia” e começou a se mexer por lá.

Segundo informações - acostadas de fotos - alguns serviços estão sendo executados e, após a conclusão, haverá nova inspeção do IDIARN e da Suvisa para aferir se as benfeitorias atendem às exigências sanitárias.

Pois bem . . .

Se os serviços estão sendo executados agora, na base da pressão, depreende-se que dinheiro estava escutando a conversa, logo, não era o problema e, assim sendo, poderiam ter sido realizados há mais tempo – sem a necessidade da interdição, que redundou no abate de animais clandestinos e, consequentemente, na oferta de carnes de origem e qualidade duvidosas à população.

Na verdade, pelo visto, o que faltou mesmo foi “interesse” da gestão, que usa, de forma equivocada, o slogan de ‘Mais Trabalho, Mais Compromisso’.

A própria juíza, Anna Orgette, na sua decisão, deixou explícito que “a Prefeitura foi inerte e não tomou qualquer atitude concreta visando corrigir as inúmeras irregularidades apresentadas; o que denota o desinteresse em efetivamente impedir que a população pau-ferrense continue consumindo carne de qualidade duvidosa com riscos à saúde coletiva”.

Já dizia o cantor e compositor, Geraldo Vandré: “quem sabe faz a hora, não espera acontecer”. . .





 



26
MAI

O deputado estadual Getúlio Rêgo (DEM), concedeu uma breve entrevista para o blogueiro Márlio Fortes, nesta terça-feira, 26 de maio, onde comenta que o Estado do RN teve um enorme prejuízo ao renovar, de forma antecipada, o contrato que dá exclusividade ao Banco do Brasil para gerenciar a folha de pagamento dos servidores públicos. Segundo ele, se o RN tivesse deixado para dezembro de 2018, o valor da transação seria de 145 milhões de reais a mais para os cofres públicos.

Eis a entrevista:

Márlio Forte – O que o senhor acha do contrato antecipado do Governo do Estado com o Banco do Brasil

Getúlio Rêgo – Eu fiquei preocupado com o que vi na Tribuna do Norte de hoje, que falava do contrato onde o governo concedeu um abatimento de 50% do que poderia receber se a negociação acontecesse em dezembro de 2018. Isso é uma coisa que pode ter repercussões muito negativas para o Estado, pois todos nós reconhecemos a fragilidade financeira no RN e se você tem a perspectiva de 286 milhões de reais com a transação com o Banco do Brasil da conta do Estado, essa antecipação será nociva ao RN, pois só receberemos a metade.

MF – O senhor sabe que o caixa do Estado está negativo. Esse dinheiro não seria para por em dia a Folha de Pagamento?

GR – E a partir de dezembro? No final do ano de 2018 iríamos contar com o dobro desse dinheiro, evidente que essa travessia de seis meses, dolorosa para o Estado, seria melhor esperar por dezembro, pois seria o dobro.

MF – Foi uma decisão apressada do Governo do Estado?

GR – Sim, foi uma decisão antecipada e eu espero que não aconteça, pois foi um prejuízo muito grande para o Estado.



26
MAI

A Prefeitura de Água Nova-RN, por meio da Secretaria de Saúde, está proporcionando aos jovens e idosos do município aulas de aeróbica ao ar livre. O principal objetivo da ação é tornar a vida dos água-novenses mais saudável, através de caminhadas, exercícios e dança. Neste mês de maio, as aulas voltaram a todo vapor.

Na praça, ocorrem as caminhadas e aeróbica para os adultos e idosos da comunidade, com exercícios de aquecimento e alongamento, às 17h da tarde, nos dias de segunda, quarta e sexta-feira. O educador físico Cleiton Souza é o responsável por essa atividade.

Já a dança para os jovens do município ocorre na quadra de esportes, às 18h, também nos dias de segunda, quarta e sexta-feira, sendo Velúsia Oliveira a responsável pelas aulas.

As atividades físicas, que estão sendo oferecidas pelo ‘Governo de Todos’, trazem inúmeros benefícios para as pessoas de qualquer idade: reduz o risco de doenças, auxilia na perda de peso, melhora o humor, controla o colesterol, além de tornar o organismo mais resistente imunologicamente.

É a Prefeitura de Água Nova, via Secretaria Municipal de Saúde, garantindo à população uma vida mais sadia e feliz!





26
MAI

Foi inaugurado no último sábado, 23, em Pau dos Ferros-RN, o ‘Marco Maçônico’ do município. O evento - organizado com ‘régua e compasso’ - foi prestigiado pelo Grão Mestre da GLERN, Roberto de Sena,  Prefeito Fabricio Torquato, Veneráveis das três lojas, autoridades maçônicas,  Samaritanas e convidados.

O monumento está encravado na Avenida Getúlio Vargas, imediações da sede do INSS.

Num formato de tripé, o marco contém as inscrições Liberdade, Igualdade e Fraternidade, que é a filosofia da irmandade, e o símbolo das três lojas pau-ferrenses.

Após a inauguração do ‘marco’, aconteceu uma confraternização numa pizzaria da cidade.  









Veja mais fotos AQUI.

 



26
MAI

Acontece no auditório do Campus Avançado Maria Elisa de Albuquerque Maia (CAMEAM), da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), em Pau dos Ferros, o evento "Pau dos Ferros e Região: Problemas e Perspectivas", que tem o seu início programado para as 8 horas do dia 29 de maio, com o tema “A cidade brasileira: dinâmicas, problemas e política urbana”, que terá como conferencista a Profa. Dra. Rita de Cássia da Conceição Gomes (UFRN), tendo como mediadora a Profa. Ma. Jucicléa Medeiros de Azevedo (UERN).

No segundo dia do evento, em 01 de junho, também às 8 horas da manhã, o tema será “Território do Alto Oeste Potiguar: desafio na gestão de recursos naturais”, coordenado pelo Prof. Dr. Josiel Alencar Guedes (UERN) e como membros da mesa, Prof. Me. Agassiel de Medeiros Alves (UERN), Prof. Me. José Fausto Magalhães Filho (UERN e DNOCS) e Maria de Fátima de Araújo Rêgo (Secretária de Meio Ambiente de Pau dos Ferros).

Às 10 horas do segundo dia do evento será abordado o tema “Desenvolvimento urbano-regional e o território Alto Oeste Potiguar na hinterlândia do Semiárido Brasileiro”, terá como coordenador o Prof. Dr. José Lacerda Alves Felipe (UFRN/UERN) e como membros da mesa a Profa. Dra. Joseney R. de Queiroz Dantas (UERN), Prof. Me. Josué Alencar Bezerra (UERN) e Adriano Costa (Territorial da Cidadania NEDET/UERN). A participação no evento contabilizará um total de 12 horas de atividades complementares para os alunos.

O evento é promovido pelo Curso de Geografia do Campus de Pau dos Ferros e a sua coordenadora, Profa. Dra. Larissa da Silva Ferreira Alves, será a relatora da “Carta de Pau dos Ferros”, que norteará as tomadas de decisões pelos políticos e gestores públicos.



25
MAI

O Município de Luís Gomes, na região do Alto Oeste potiguar, firmou um acordo com o Ministério Público Estadual e com o Sindicato dos Servidores municipais, no qual o ente público se compromete a pagar os servidores efetivos, correspondente ao mês de abril de 2015, até esta terça (26 de maio) e de efetivar o pagamento dos servidores comissionados e contratados quanto ao mês de março deste ano em oito parcelas iguais, a primeira vencendo no dia 30.06.2015 e as demais no último dia útil de cada mês.

O acordo foi celebrado em audiência de instrução e julgamento. A ação judicial tem como autor o Ministério Público e como réu o Município de Luís Gomes. A demanda foi proposta com o objetivo resolver o problema do atraso no pagamento de salários dos servidores municipais.

No acordo celebrado, o Município informou que já efetivou o pagamento dos servidores comissionados e contratados no que se refere ao mês de abril 2015 e se comprometeu a, no prazo de 20 dias, juntar nos autos proposta de pagamento dos valores relativos aos servidores comissionados do ano de 2013/2014. O magistrado também determinou o desbloqueio dos recursos do Município.



25
MAI

Na manhã desta segunda-feira (25), o Sindsaúde realizou a primeira reunião por local de trabalho no hospital Walfredo Gurgel. Os servidores estiveram presentes no auditório do Walfredo para discutir a pauta da campanha salarial de 2015 e a construção da comissão de base no hospital.

Manoel Egídio, diretor do Sindsaúde-RN, apresentou a pauta da campanha salarial deste ano e deu alguns informes, dentre eles, a audiência com o secretário de Saúde, Ricardo Lagreca. A pauta da categoria reivindica reajuste salarial de 27%, exige a implantação imediata das mudanças de nível vencidas desde 2012, a tabela de qualificação, um novo concurso público para combater a sobrecarga nos locais de trabalho e a garantia de abastecimento de materiais e medicamentos nos hospitais.

“Nossa categoria está adoecendo, trabalhando por dois, pois faltam profissionais. Não dá para os trabalhadores arcarem com a crise do estado. Por isso, é muito importante a nossa participação nas reuniões nos locais de trabalho, os trabalhadores organizados são muito mais fortes para derrotar os ataques dos governos”, afirmou Egídio.

Para a servidora Maria Aparecida, a situação do Walfredo Gurgel está ficando cada vez pior. “Semana passada tive que ficar implorando por um pacote de gaze, tudo isso para salvar vidas que precisam de nossa assistência. Não dá mais para trabalharmos dessa forma, sem condições de trabalho, com medo dos pacientes morrerem em nossos braços por falta de prioridade do governo”, afirmou.



25
MAI

Hoje, os gestores potiguares estiveram no gabinete do senador Garibaldi Filho

A prefeita de São Francisco do Oeste, Gildene Barreto, de Coronel João Pessoa, Francisco Alves (‘Pachica’), e vários colegas chefes do executivo do Rio Grande do Norte, estão em Brasília para participar da 17ª edição da Marcha em Defesa dos Municípios.

Nesta quarta-feira, 25, os gestores estiveram no gabinete do senador Garibaldi Filho. Além de conversar sobre os objetivos da “Marcha” – que incluem a luta pela elevação em dois pontos percentuais dos recursos do Fundo de Participação dos Municípios – eles procuraram saber como ficará a liberação das emendas parlamentares, depois dos cortes no Orçamento anunciado pelo governo federal.

A “Marcha dos Prefeitos” será aberta na manhã desta terça-feira (26), às 9 horas, e prossegue até a próxima quinta-feira (28). O tema escolhido para este ano é “Pacto Federativo: esperança de vida aos Municípios”.

As palestras serão realizadas no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB).



25
MAI

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e Projeto RN Sustentável lançarão, na próxima sexta-feira (29), o Protocolo da Assistência Materno Infantil do Estado do Rio Grande do Norte, um manual de condutas clínicas abordando temas relevantes para a prevenção das morbimortalidades maternas e infantis. O evento acontece às 9h na Escola de Governo – Centro Administrativo.

Viabilizado através de recursos do Projeto RN Sustentável o protocolo faz parte de um conjunto de ações para o fortalecimento da rede materno infantil e será implantado inicialmente em 40 maternidades públicas e filantrópicas do estado, através da capacitação (prevista para o segundo semestre) de 200 profissionais dessas unidades.

“Há muito se fazia necessária a elaboração de uma parametrização de condutas médicas atualizadas e padronizadas, acessível aos profissionais que militam na área ginecológico-obstétrica. Este protocolo é uma iniciativa honrada e louvada pela inalienável contribuição para a prática de uma medicina moderna e humana em nosso estado”, disse o secretário estadual de saúde, Ricardo Lagreca.

As quarenta maternidades que serão contempladas situam-se nos municípios de: Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Extremoz, Macaíba, São José de Mipibu, Goianinha, Santo Antônio, Nova Cruz, Mossoró, Apodi, Caraúbas, Areia Branca, Ceará-Mirim, João Câmara, Macau, Lajes, Currais Novos, Santana do Matos, Jucurutu, Caicó, Parelhas, São Paulo do Potengi, Santa Cruz, Alexandria, Almino Afonso, Pau dos Ferros, São Miguel, Assu e Angicos.



24
MAI

Notícias chegadas ao blog dão conta de que, no mínimo, três candidatos disputarão o cargo de Prefeito no município de Francisco Dantas, na região do Alto Oeste potiguar, na eleição do próximo ano.

Segundo informações, dois postulantes já estão confirmados: o atual gestor, Adolfo Silveira, que tentará a reeleição, e o ex, Vandeilton Bezerra.

Já o grupo liderado pelo ex-prefeito, Gilson Dias, também vai lançar candidatura própria. De acordo com relatos, o nome é bom, carismático e tem excelente aceitação popular.

“Nosso grupo está unido e, na hora certa, anunciaremos o candidato que reúne todas as condições para vencer a eleição”, disse ao blog uma fonte BeM postada na ala oposicionista, que preferiu ter a identidade preservada.



24
MAI

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA), emitiu nessa sexta-feira (22), a licença de instalação do teleférico da cidade de Santa Cruz, na região do Trairi. O documento que libera a construção do equipamento foi assinado ontem à tarde pelo diretor do órgão, Rondinelle Oliveira.

“No dia de Santa Rita de Cássia, emitimos uma licença importante para toda a região do Trairi", destacou Rondinelle. O governador Robinson Faria afirmou que o teleférico agregará mais valor ao complexo turístico da cidade, valorizando o turismo religioso e regional. "O teleférico Santa Cruz irá fortalecer o turismo, o comércio e gerar emprego e renda para a região”.

O teleférico levará, através de bondinhos, os visitantes ao Alto de Santa Rita, onde se localiza o complexo turístico religioso de Santa Rita de Cássia, padroeira da cidade. A estátua da santa é considerada a maior imagem católica do planeta e o complexo recebe aproximadamente 540 mil pessoas por ano. Com a instalação, esse número deverá aumentar e incrementar ainda mais a economia do município e da região do Trairi.

O projeto prevê um teleférico com 830 metros de extensão, sete torres de sustentação e retenção e será composto por duas estações, Estação Motriz – no Alto de Santa Rita – e Estação Retorno – na Igreja Matriz. Santa Cruz será uma das poucas cidades do país a ter um teleférico, o que deverá projetar o destino nacionalmente. A obra está orçada em R$ 14.432.588,73.

A licença emitida pelo IDEMA foi solicitada pela Prefeitura de Santa Cruz e tem o prazo de validade de 4 anos.



23
MAI



Por Aécio Neves, Presidente Nacional do PSDB


Cai, em definitivo, a máscara do governo do PT e o país conhece o pacote de medidas impopulares contra o povo brasileiro. Aumento de impostos, cortes de direitos trabalhistas e dos investimentos, incluindo os recursos fundamentais  para a saúde e a educação.

Os cortes orçamentários anunciados esta tarde são mais uma face do arrocho recessivo promovido pelo PT em prejuízo da população brasileira.

Primeiro, veio a diminuição dos direitos trabalhistas e de benefícios previdenciários, em parte já aprovados pelo PT e a base aliada no Congresso, com oposição coesa do PSDB.

Agora, a tesoura do governo Dilma Rousseff compromete os investimentos públicos, prejudicando um dos motores que poderia ajudar a impulsionar a economia no momento em que o país necessita desesperadamente retomar o desenvolvimento.

Quem mais sofre com os cortes no Orçamento são os mais pobres, que precisam do governo federal para dispor de atendimento de saúde, de educação digna e de escolas de qualidade, de transporte e mobilidade. Todas essas áreas que agora são profundamente afetadas pelo arrocho anunciado.

O passo seguinte está traçado: aumento de impostos, já iniciado desde o início do ano e agora aprofundado. A carga tributária, que aumentou ininterruptamente no governo Dilma, vai continuar a subir.

Os R$ 70 bilhões anunciados hoje são apenas parte da conta que o brasileiro vai pagar por causa da gastança desenfreada ocorrida nos últimos anos com o objetivo de vencer as eleições e manter o PT no poder.

Caso a conduta do primeiro governo Dilma fosse responsável, sem os excessos eleitoreiros cometidos, como o próprio ministro da Fazenda reconheceu nesta semana, as famílias brasileiras não seriam agora obrigadas a passar por mais sacrifícios, além das enormes dificuldades que já vivem.

O arrocho recessivo somado ao forte aumento do desemprego e acompanhado da escalada da inflação trazem tristeza a todos nós s e torna a vida no país mais difícil.

É bom que fique claro: Essa conta não é do povo, é do governo do PT, mas é o povo quem a está pagando.



23
MAI

Na última sessão ordinária da Câmara Municipal, realizada na quinta-feira, 21 de maio,  o vereador, Renato Alves (PMDB), por meio do Requerimento nº 083/2015, solicitou informações ao Prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato, sobre a atual situação da obra de reforma e modernização da Praça Ezequiel Fernandes, que se encontra na 2ª etapa. O pedido do vereador inclui cópia do processo licitatório, contratos e demais aditivos, medições atestadas pela prefeitura e, posteriormente, pela Caixa Econômica Federal, e, por fim, pagamentos efetivados e os devidos extratos bancários constando os valores em conta.

O vereador justifica o requerimento devido a obra daquela praça está paralisada e em pleno abandono. "Apesar de existir dinheiro em caixa no valor de R$ 73.125,00 (setenta e três mil, cento e vinte e cinco reais), liberados pelo Governo Federal em 16 de março de 2013, conforme informações no Portal da Transparência - fora os rendimentos de aplicação - a obra paralisou nessa gestão", destacou Renato. 

Os vereadores, Antônio Avelino (PP) e Kasumaro Kened (PMDB), debateram o requerimento criticando a primeira etapa da obra, concluída na gestão anterior. "Não precisa consultar engenheiro, nem arquiteto, para ver a situação daqueles bancos, onde esta Casa já tomou as providências solicitando ao executivo que fossem demolidos e refeitos", disse Avelino.

Renato Alves, ao fim da defesa de sua proposição, chamou a atenção, mais uma vez, para o valor que está em caixa desde março de 2013 e, também, para a data da licitação feita em agosto do mesmo ano. "Se teve erro no projeto, ou não, acredito que, durante todo esse tempo, a gestão já deveria ter tomado alguma providência", concluiu. 



23
MAI

De autoria do vereador Gilson Rêgo (DEM), e assinada pelos parlamentares Gordo do Bar (DEM), Renato Alves (PMDB) e Gugu Bessa (DEM), o Requerimento nº 079/2015 solicita ao Prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato, que seja providenciado, urgentemente, a contratação de profissional médico para o PSF da comunidade do Perímetro Irrigado.

A proposição, de acordo com o autor, se justifica pelo fato de que a maior comunidade da zona rural do município encontra-se sem o atendimento de um profissional médico desde novembro de 2014 e, assim sendo, deixa a população residente no Perímetro Irrigado - e comunidades vizinhas - totalmente no abandono de um serviço qualificado de saúde.

“Como muitos sabem, o recurso está vindo, pois tem médico, enfermeiros e técnicos cadastrados no sistema”, disse Gilson. “Autorizamos a contratação de profissionais de saúde, inclusive médicos, se houve falta de interesse, foi devido aos baixos salários ofertados”, aponta o vereador.

O vereador Eraldo Alves (DEM), assim como o colega de bancada, Kasumaro Kened (PMDB), reconhecem o esforço do gestor municipal e diz tê-lo acompanhado em reuniões onde ele explica sempre esta situação. “O município não consegue contratar, pois os profissionais não demonstram interesse, principalmente por questões da lei que exige 02 expedientes, com carga horária de 40 horas/semanais”, explica Eraldo, acrescentando que a Comunidade Maniçoba também está sem o profissional médico.

Já a vereadora, Itacira Aires (DEM), fala que a falta de médico nestas unidades é uma preocupação de todos e, no debate, cita a diretora da UBS – Perímetro, Hosana, como sendo “dedicada e competente” para fazer com que os outros profissionais da saúde trabalhem para cobrir a falta desse médico. 

O vereador, Francisco José (DEM), lembra que a comunidade passou mais de um ano sem dentista. “Este profissional começou a dar expediente semana passada, por isso estamos falando em abandono. Além da falta do médico, os medicamentos enviados para lá são minguados”, disse Francisco. “O prefeito não está empenhado com a saúde. Se o cidadão não chegar à secretaria de meia noite da segunda-feira, não tem ficha”, conclui.



23
MAI




22
MAI

Nem só de água viveu a Câmara Municipal de Pau dos Ferros, na Sessão Ordinária realizada ontem, 21 de maio, já que houve aprovação de requerimentos e indicações solicitando execução de obras hídricas.

Num determinado momento, o plenário também cuspiu fogo, principalmente depois que foi colocado em votação o Requerimento nº 081/2015, apresentado pelo vereador, Gugu Bessa (DEM), solicitando à Prefeitura informações de todas as atividades realizadas pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, assim como o calendário das atividades a serem realizada em 2015 e 2016.

Em sua defesa, o vereador Gugu Bessa, autor da proposição, afirma que a SECULT, criada nessa gestão, seria uma forma de incentivar os talentos ligados à cultura pau-ferrense - que por sinal é muito rica - porém, ainda de acordo com o parlamentar , passou a perceber um "verdadeiro atrofiamento”, onde o abandono das atividades culturais e de eventos está cada vez mais visível.

"Lamentavelmente, as atividades culturais estão restritas a pequenas solenidades para agradar a poucos olhos, deixando a população de Pau dos Ferros totalmente carente e distante dos artistas da terra", disse o vereador, questionando o plenário onde estão os grupos de dança, bandas locais e grupos de teatros que eram incentivados pelo município. "Até a quadrilha da nossa cidade, que era campeã em diversos festivais, acabou por falta de apoio", lembrou Gugu.

No debate, que rendeu mais do que arroz solto, os vereadores da situação – sabe-se lá o porquê - reprovaram a proposição que, apenas e tão somente, pedia o calendário de eventos do município e nada mais.

Soou estranho – muito estranho - a reprovação do pleito . . .

Ora, se a bancada governista votou, em peso, contra um simples pedido de apresentação do Calendário de Eventos do município é por que, talvez, ele não existe. Se não existe, não tem como ser apresentado. E ‘zé fini’!

Já estamos no dia 22 de maio. O mês está ‘em ais de se acabar’ e, depois dele, vem junho com suas emblemáticas datas comemorativas. Pelo visto, como não foi divulgado nenhum evento para este período, depreende-se que não haverá o ‘Festival de Quadrilhas’, nem o ‘Pau dos Ferros, Cidade do Forró’, assim como, certamente, não acontecerá a ‘FINECAP’, em setembro, tampouco o ‘FestCriança’, em outubro.

Pela falta de uma vasta programação cultural na ‘Terra dos Vaqueiros Bravios’ para aquecer a economia, o comércio, que já não anda muito BeM das pernas, tem passado a sentir, também, as ‘dores do parto’.

Pois é. Parece que, este ano, a 'sanfona velha do fole furado' não vai fazer nem fum!



22
MAI

Considerando que a cobertura vacinal do Brasil é de 47,64% e que o estado do Rio Grande do Norte encontra-se com cobertura vacinal de 44,95%, quando a meta é vacinar, pelo menos, 80% de cada um dos grupos prioritários para a vacinação, o Programa Nacional de Imunizações (PNI) prorrogou a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe até o dia 05 de junho. Sendo assim, todos os estados devem manter a oferta da vacina com vistas ao alcance da meta.

A Coordenação Estadual de Imunização reitera que durante este período, deve-se continuar vacinando apenas os indivíduos com 60 anos ou mais de idade, os trabalhadores de saúde, os povos indígenas, as crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

É de fundamental importância que os usuários que fazem parte dos grupos prioritários procurem as unidades básicas de saúde para receberem a vacina considerando a relevância da mesma na redução das infecções e complicações decorrentes do vírus influenza.

6ª Região de Saúde/Alto Oeste Potiguar

Na 6ª Região de Saúde, que é composta por 37 municípios do Alto Oeste potiguar, no cômputo geral, de acordo com relatório emitido hoje, 22 de maio, alcançou média de 54,97%; um índice superior ao nacional e o do RN.  



22
MAI

O PSDB do Rio Grande do Norte tem, entre seus objetivos para as eleições municipais de 2016, lançar uma candidatura própria a prefeito de Natal. O posicionamento foi revelado pelo deputado federal Rogério Marinho, presidente de honra da legenda, durante entrevista concedida ao programa RN no Ar, na TV Tropical, nesta sexta-feira (22).

“Time que não jogar não tem torcida. O projeto do PSDB é ter uma candidatura própria para a Prefeitura de Natal em 2016, mas esse é um tema que só será discutido pelo partido no próximo ano. Agora é hora de trabalhar por melhorias para nossa cidade e Estado, de fiscalizar esse desgoverno do PT e de cobrar soluções para os problemas do país”, disse o parlamentar.

Quando questionado se aceitaria ser candidato novamente a prefeito de Natal, Rogério, eleito em 2014 como o deputado federal mais votado da capital potiguar, disse que está a disposição do PSDB e que aceitaria o desafio, mas reafirmou que os tucanos só definirão seu posicionamento com relação as próximas eleições no primeiro semestre de 2016.



22
MAI

Os professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) aprovaram a paralisação das atividades para esta segunda-feira, 25. A greve foi aprovada por ampla maioria dos docentes que estiveram na assembleia realizada na manhã desta sexta-feira, 22, na sede da Associação dos Docentes da UERN (Aduern).

O motivo para a paralisação da categoria foi a resposta negativa dada pelo Governador Robinso Faria, ao não cumprimento do reajuste para os docentes de 12,035%, acordado no ano passado. Na última quinta-feira, 21, houve um encontro entre representantes do poder executivo estadual e da aduern sobre a possibilidade do cumprimento do acordo.

Também foi posto em votação o começo da greve para esta sexta-feira, 22, mas os professores decidiram pela segunda, onde havia sido já aprovado o indicativo de greve na última reunião ocorrida na semana passada.

De Fato

Comentário do Capote

Os professores da Uern que, na sua grande maioria, votaram e apoiaram o governador Robinson, que, na campanha, disse que ‘Faria’ muito por eles e não está fazendo,  são os primeiros a encabeçar o rol das greves que entrarão em curso no RN.

Também está ‘em ais’ de explodir, o movimento paredista dos Agentes Penitenciários e dos profissionais da área de saúde.

Pois é, governador Robinson, como sempre, prometer é mais fácil do que cumprir! 

A vida de candidato é muito diferente da vida real.

Daqui a pouco – e creio que não vai demorar muito – os servidores públicos potiguares vão sentir ‘saudades eternas’ de Rosalba Ciarlini.






22
MAI

Com a proximidade das eleições suplementares do município de Luís Gomes, agendada pelo TRE/RN para o dia 05 de julho, alguns partidos políticos já estão se articulando para formação de chapa com vista ao pleito que se avizinha.

Segundo informações, o Democratas lançará, na sua convenção, que está marcada para acontecer no dia 31 de maio, no Colégio Municipal Padre Osvaldo, a médica Antônia Abrantes, como candidata a prefeita, e o PSDB homologará o nome do empresário Joanismar Sobreira (‘Naninha’) na condição de vice. O aceno para formação da aliança foi feito no último dia 17.

Contrariando boatos que foram espalhados na cidade serrana com o intuito de prejudicar a postulação da ‘doutora Antônia’, ela pode, sim, ser candidatada à chefia do executivo. Não há nenhum impedimento. Ao contrário, existe amparo legal, pois não foi ela (então candidata a vice em 2012) quem deu causa à anulação do pleito. Portanto, não está inserida na Lei das Inelegibilidades e deverá teu o registro acatado - sem nenhum problema - pelo juiz da 42ª Zona eleitoral, com sede naquele município.

Jurisprudência. . .

A própria Justiça Eleitoral, ao julgar um Recurso Especial de 2013, declara na sua decisão: “Quanto à vice-prefeita, embora não tenha sido ela a agente responsável pelas condutas das quais decorrem a condenação, sob a ótica do princípio da unicidade da chapa, deve a mesma ter seu diploma cassado, NÃO RECAÍNDO SOBRE ELA, entretanto, A INELEGIBILIDADE prevista no artigo 10,1, “d”, da Lei Complementar nº 64/90”. (Grifo meu).

Antônia Abrantes encontra-se, exatamente, nessa situação.

Ela, que é médica e política, mora e desempenha suas atividades profissionais  em Luís Gomes desde 1978. Logo, faz 37 anos. Já o empresário ‘Naninha’ mora e trabalha na aprazível cidade serrana há 24 anos. É muito chão rodado e bastante sola de sapato gasto pela dupla 'nessa longa estrada da vida'!

Portanto, nenhum dos dois é aventureiro, nem caiu de paraquedas - como querem pregar alguns desavisados - diferentemente do líder da oposição, que é uma espécie de nômade, um andarilho, pois, de acordo com informações, ele possui residências em Luís Gomes, Uiraúna, Fazenda São Miguel, Major Sales, Pau dos Ferros, João Pessoa, Natal. . .

Ademais, é bom esclarecer, as benfeitorias existentes em Luís Gomes não são monopólio dele, como quer fazer crer, mas, também, de autoria dos outros gestores e, dentre estes, encontra-se o seu desafeto pessoal, José Fernandes, o ‘Dedezinho’, que fez muito, em pouco tempo, pela ‘Terra de Senhora Santana’.


Jurisprudência da Justiça Eleitoral garante candidatura de Dra Antônia



22
MAI

A falta de água e as possíveis soluções para este grave problema que afeta todo o município de São Miguel foi o tema da Audiência Pública promovida pela Câmara Municipal, em parceria com a Prefeitura e Empresa Brisanet Telecomunicações, ontem, 21 de maio. A proposta de sua realização foi apresentada pela presidente da Casa Legislativa, vereadora Adalcina Vieira de Almeida.

O problema de abastecimento de água no município não é um problema de só um, é um problema de todos. Por isso conclamo a todos, para estar nesta luta. Com esse novo projeto, trazido por Roberto Estevam, acreditamos ser mais viável para nossa Região. A cidades de Coronel João Pessoa e Venha-Ver, nas pessoas de Pachica e Expedito, estão irmanados nesta empreitada. Não podemos brincar com o problema da falta de água. Trabalhei, trabalho e continuarei trabalhando, cuidando da nossa gente, na certeza de que essa batalha venceremos” declarou o Prefeito Dario Vieira.

Já a vereadora Aldacina Vieira destacou que, “desde 2013, venho ancorando essa luta com relação à falta de água no nosso município, juntamente com a prefeitura, outros colegas parlamentares, autoridades, amigos e população interessada no assunto. Ainda em 2013, exatamente no mês de abril, foi lançado o Movimento ‘SOS Seca’, onde foram colhidas assinaturas, enviado relatório do movimento, juntamente com o projeto da Barragem Poço de Varas para as três esferas de governo: Municipal, Estadual e Federal. Em seguida, em nível regional, foi lançado o movimento SOS Água com as principais cidades em situação semelhante à São Miguel. Desse movimento, gerou-se um relatório e lido para o então Ministro da Previdência, senador Garibaldi Filho, por ocasião da inauguração da Agencia do INSS desta cidade, no ano de 2014, seguidas de audiências públicas realizadas nesta Casa legislativa, disse.

Adalcina frisou, ainda, que, “cerca de dois anos de luta intensa, voltamos a esta casa para mais um debate com as autoridades políticas, que representam a região. É um momento ímpar do qual esperamos que saiam propostas para ações concretas e viáveis que sejam resolvidas a curto, meio e longo prazo, sejam, a curto prazo aquisição de carros-pipa, perfuração de poços com motor bomba de sucção e montagens de caixas para servir à população como vem fazendo o poder executivo deste município, a médio prazo seria a elaboração do projeto da Barragem da Pescaria com o encaminhamento do mesmo para os governos Estadual e Federal. Pedimos, também, o apoio e a união da população desta cidade e dos municípios da região, pois não é uma luta só minha, mas de todos nós. Lembrando que o pobre não tem condições de pagar 120,00 ou 150,00 em uma pipa d’água. É dele que primeiro devemos nos convalescer”, argumentou a parlamentar, que presidiu os trabalhos da audiência pública.

Já o empresário Roberto Estevam, mesmo sendo de outra cidade (Pereiro), entrou na luta pelo abastecimento de água em São Miguel e afirmou, também, que essa luta não pode ser só de políticos e sim de todos envolvendo, sobretudo, o segundo setor.

Prestigiaram o evento, os Vereadores, Presidentes de Sindicatos, o Secretariado, funcionários públicos, Igrejas, Caixa Econômica Federal e sociedade civil.

Nesta sexta-feira, 22, o Programa Globo Natureza, Rede Globo São Paulo está visitando a Cidade para fazer uma matéria sobre a questão do abastecimento.

São Pedro, as chuvas e o crescimento populacional

Vale registrar que, no Nordeste, todos perguntam sobre a quem cabe imputar a culpa pela crise hídrica. Ela, que está instalada na maior parte da região, não é só da instabilidade de São Pedro que, segundo dizem, possui as chaves do Céu. O Santo jamais poderia prever, por exemplo, que a população crescesse tanto. Desde quando nosso manancial Açude do Bonito foi construído, entre 1953 e 1955, o número de habitantes aumentou consideravelmente assim como o número de residências, diminuindo, em contrapartida, a capacidade de abastecimento desse pobre sofredor manancial. A urbanização, que aumenta a poluição de nossa serra e dificulta o acesso à água potável, também entrou na mistura, junto com todos aqueles outros vilões que a gente já conhece: desmatamento irregular, construções de pequenos barreiros, mal planejadas, sobrecarga do sistema de abastecimento e coleta. Por isso, este momento significa para todos nós um grito de socorro e uma retomada de nossos conceitos com relação aos recursos hídricos de nossa cidade.





Usuários On-line: 133
Maio 2015
DSTQQSS
28
29
30
31






































































Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.